Ads 468x60px

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Polícia Civil revela novidades sobre o homicídio da professora Claudia

A Polícia Civil de Pato Branco anunciou nesta quarta-feira (9) novidades sobre o caso do homicídio da professora Claudia Mara dos Santos na última sexta-feira no centro de Pato Branco.

De acordo com o delegado chefe da 5ºSDP, Getulio Vargas, Dheomar Rosa contou com a ajuda de dois homens para pegar a professora. 


A trama foi planejada e as informações da PC dão conta que Dheomar teria contratado Fernando Henrique Marcante e Bruno Schirlei dos Santos para que detivessem Claudia para ele adentrar ao prédio. Os contratados armados entraram no prédio por volta das 11hrs40min da quinta-feira com uma senha repassada pelo Dheomar, subiram pelas escadas para fugir das câmeras de segurança e aguardaram Claudia chegar, rendendo-a para entregar ao ex-marido, deixando o prédio por volta das 13hs50min, cerca de dez minutos antes de Dheomar chegar.

Os elementos foram identificados, interrogados e confessaram que iriam receber de R$2.000,00 a R$5.000,00. Segundo eles, Dheomar iria dopar a vítima pegar um cartão e ir até o banco sacar o dinheiro para efetuar o pagamento.

A autoridade policial requereu a prisão cautelar dos acusados, o que foi negada pelo Juiz por entender, a principio, o cometimento de crime de cárcere privado, situação que é incabível prisão preventiva.

Dheomar que já havia tentando o suicídio anteriormente, morreu na manhã desta segunda-feira. 





0 comentários:

Postar um comentário

 
© VEJA PATO BRANCO - O Site Da Nossa Terra - 2013. Todos os direitos reservados.
Criado por: Rede Tech Informática.

Exibir mapa ampliado