Ads 468x60px

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Município promove programação especial para alunos do Tempo Integral

Nestas quarta e quinta-feiras, dias 09 e 10, o Município de Pato Branco, por meio da Secretaria de Educação e Cultura, em parceria com o Sesc, está promovendo mais uma edição do “Brincando também se aprende”. O encontro, realizado no Centro Regional de Eventos, oferta atividades lúdicas diferenciadas para mais de 2 mil alunos da Rede Municipal de Educação, matriculados nas oficinas pedagógicas em contraturno escolar do Tempo Integral.


Na programação, que conta com a participação do Depatran, da Escola Municipal de Artes, da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação e do professor Nelson Schavalla, alunos participam de diversas práticas esportivas, como vôlei, basquete e tchoukball, além de jogos como xadrez, amarelinha e jogo da velha. Há, ainda, diversas brincadeiras, como pintura, desenhos, circuito de trânsito, cama elástica, entre outras. São mais de 30 opções de atividades.

A secretária municipal de Educação e Cultura, Heloí Aparecida De Carli, evidencia a importância de momentos lúdicos para a formação das crianças, bem como para a construção do conhecimento. “Momentos como esse, que envolvem alunos e professores, oportunizam que diferentes realidades sejam exploradas, estimulando a percepção e a criatividade das crianças, o que contribui de forma significativa para o aprendizado”, avalia Heloí.

A coordenadora pedagógica do Tempo Integral, Greicy Perottoni, explica que a ideia principal do evento é oportunizar a integração e a aprendizagem de forma lúdica. “Oferecemos uma série de atividades que trabalham, além de conceitos abordados em sala de aula, o respeito, a ética e os relacionamentos, com a socialização de alunos e o aprendizado em conjunto”, comenta a coordenadora.

Para a professora da Escola Municipal Vila Verde, Bruna Teixeira, o momento é aguardado com bastante expectativa pelos alunos. “Eles ficam ansiosos aguardando a vinda, porque aqui eles têm a oportunidade de viver um dia diferente. Além disso, encontram amigos de outras escolas e interagem, tudo com muito respeito e disciplina, aguardando a vez para participar de todas as atividades”, disse a professora.

O aluno do 4º ano da Escola Municipal São Luis, Luiz Felipe Farias, 9 anos, aguardava a vez para participar do xadrez gigante e contou que aprovou as brincadeiras. “Está muito divertido, já joguei vôlei e participei do circuito de trânsito. É legal, porque a gente brinca e aprende novos jogos”, disse Luiz Felipe.

Para Jhenifer Manoeli Fernandes Mateus, 8 anos, e aluna da Escola Municipal Udir Cantu, a participação foi bastante esperada. “Fiquei bem feliz quando soube que viríamos, é um dia diferente, para brincar com os amigos em atividades diferentes”, falou Jhenifer.

Texto e foto: Assessoria

0 comentários:

Postar um comentário

 
© VEJA PATO BRANCO - O Site Da Nossa Terra - 2013. Todos os direitos reservados.
Criado por: Rede Tech Informática.

Exibir mapa ampliado