Ads 468x60px

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Município promove mais uma edição da Feira de Adoção de Cães e Gatos

O Município de Pato Branco, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e em parceria com o Conselho Municipal de Proteção dos Animais (Compato), realizará a 15ª Feira de Adoção de Cães e Gatos. Nesta edição, cerca de 60 animais estarão na feira, esperando por um novo lar. A iniciativa conta com a parceria da Folhado Cão e da Associação Lima de Proteção aos Animais (ALPAPB). A feira será das 08h30 às 12h30, na rua Goianazes, atrás do Pavilhão São Pedro, no acesso à feira do produtor.


Os cães e gatos disponíveis para adoção foram resgatados das ruas ou encontravam-se em situações de risco. Atualmente, as feiras estão sendo promovidas mensalmente e, em paralelo, ações de conscientização sobre o cuidado e o respeito com os animais estão sendo promovidas pelo Município com o apoio de ONGs de proteção e acolhimento animal.

De acordo com o secretário municipal de Meio Ambiente, Nelson Bertani, as feiras estão sendo realizadas constantemente para que os animais fiquem o menor tempo possível sem acolhimento. “Queremos que eles sejam adotados e cuidados, evitando que fiquem pelas ruas ou com pessoas que os maltrate. Para isso, também queremos contar com o apoio da população, que nos ajude a fiscalizar e denuncie quando constate abandono ou práticas abusivas”, pediu Bertani.

As feiras realizadas pelo Município iniciaram em 2014 e, desde então, oportunizaram a adoção de 583 animais em Pato Branco. Após adotados, eles são castrados e chipados, gratuitamente, pelo Programa Municipal de Controle Populacional de Animais de Rua, que desde 2014 atendeu 1.250 cães e gatos com o procedimento cirúrgico – a iniciativa conta com recursos do Fundo Municipal de Meio Ambiente e do Município.

Para fazer a adoção, é necessário ter mais de 18 anos, apresentar RG, CPF, comprovante de residência e preencher o termo de adoção que será fornecido na feira. Mais informações sobre as feiras de adoção ou sobre o Programa Municipal de Controle Populacional de Animais de Rua, podem ser obtidas na Secretaria de Meio Ambiente, junto a Prefeitura, ou pelo 3220-1505.

Conscientização permanente

O Município de Pato Branco está realizando a campanha educativa “Quem ama cuida”, que contempla diversas áreas ligadas à administração pública e à cidadania, inclusive ao bem-estar animal. Presente nas redes sociais e no site do Município (http://www.patobranco.pr.gov.br), o material também foi divulgado na imprensa local, distribuído a ONGs da cidade, bem como à comunidade, e traz o seguinte alerta: de acordo com a Lei Federal 9605/98, quem abandona ou maltrata um animal, está cometendo crime e pode ser penalizado por isso.

Recentemente, em Pato Branco, as denúncias de maus tratos passaram a ser atendidas pela Polícia Militar, através do 190, com a realização de B.O. (Boletim de Ocorrência). Os maus tratos contra animais são criminalizados pela Lei 9.605/98, em seu artigo 32, que prevê pena e detenção de três meses a um ano, além de multa, em casos de abuso, maus-tratos, violência ou mutilação de animais silvestres, domésticos, domesticados, nativos ou exóticos. Caso o animal venha a óbito, a pena pode ser aumentada de um sexto a um terço.

Texto e foto: Assessoria

0 comentários:

Postar um comentário

 
© VEJA PATO BRANCO - O Site Da Nossa Terra - 2013. Todos os direitos reservados.
Criado por: Rede Tech Informática.

Exibir mapa ampliado